1ª cena de série da Globo trará cães comendo corpo de Eliza Samudio - Mg Noticias.net

Mg Noticias.net

Aqui você fica bem informado!

Post Top Ad

1ª cena de série da Globo trará cães comendo corpo de Eliza Samudio

1ª cena de série da Globo trará cães comendo corpo de Eliza Samudio

Share This
1ª cena de série da Globo trará cães comendo corpo de Eliza Samudio
A primeira cena da série que vai tratar da morte de Eliza Samudio vai trazer o corpo da modelo sendo desvorado por cães rottweilers. A informação é do colunista Leo Dias, do Uol.

Segundo o colunista, a ideia da série será deixar claro que se trata de um retrato de um crime bárbaro, sem intenção de idolatrar o goleiro Bruno, condenado como mandante do crime. A versão de que o corpo de Eliza foi comido por cães foi confirmada e negada algumas vezes desde a investigação do caso. O próprio Bruno, durante o julgamento em 2013, disse que ela teve o corpo esquartejado e jogado para os animais.

“O Jorge falou comigo que o Macarrão começou a seguir um cara de moto até uma casa na região de Vespasiano e lá entregou Eliza para um rapaz chamado Neném. Lá um rapaz pediu que Macarrão amarrasse as mãos dela para frente, e deu uma gravata nela. E o Macarrão pegou e ainda chutou as pernas de Eliza. Foi o que o Jorge me falou. E que ainda tinha esquartejado o corpo dela e jogado para os cachorros comerem”, afirmou. Para a polícia, 3 anos antes, o adolescente envolvido no crime disse que havia inventado essa história.

Filão
A diretora Amora Mautner também foi responsável por “Assédio”, série que contava os abusos cometidos pelo ex-médico Roger Abdelmassih, que também teve cenas fortes.

A história é baseada no livro “Indefensável – O Goleiro Bruno e a História da Morte de Eliza Samudio”, escrito por Leslie Leitão, Paula Sarapu e Paulo Carvalho. Houve disputa nos direitos do livro entre Globo e Netflix, com a emissora carioca levando a melhor.

A ideia é que Eliza seja vivida por Vanessa Giácomo. O colunista diz que foi a atriz mesma quem leu o livro e teve ideia de sugeria uma adaptação para TV.

*Correio

Nenhum comentário:

Post Bottom Ad